Atividades de memória auditiva: adaptações para crianças com deficiência ou autismo #emcasa

Fabiana Leme

Foto: Criança com a mão por trás da orelha
Foto: Criança com a mão por trás da orelha

Treinar a atenção aos sons auxilia muito no desenvolvimento da fala, da linguagem e nas atividades de alfabetização.

Nessa atividade sequenciada de hoje, vamos trabalhar:

      • atenção, a imitação, a discriminação auditiva, a memória e o registro, além de ser uma atividade simples de ser realizada e divertida!


Para realizar essa atividade vamos precisar de:

imagem ilustrativa dos itens necessários
imagem ilustrativa dos itens necessários
  • 1 panela ou bacia;
  • 1 Colher de pau ou 1 graveto
  • 1 garrafa de plástico usada
  • 1 punhado de arroz, feijão, milho ou pedrinhas (para fazer barulho)
  • Fichas de sequências e registro (arquivo para download no fim do artigo)

Brincando com os sons

O objetivo da atividade é que a criança reproduza os sons na sequência, comece com um som de cada vez: 

  • Bata a colher de pau na panela e mostre o cartão da panela;
  • Chacoalhe a garrafa com os grãos e mostre o cartão com a garrafa;

Para crianças com maior dificuldade de compreensão, o objetivo pode ser fazer a relação entre som e imagem, então uma vez a criança pega o cartão e na outra vez irá fazer o som do cartão mostrado. 

Como registro poderá colar a sequência dos cartões a partir do que acertou;

Oriente a família que muitas vezes é preciso ter contato com o mesmo material diversas vezes até que a criança compreenda o precisa ser feito, o importante é não desistir!


Desafiando a memória

Nessa etapa da brincadeira crie uma sequência de sons, por exemplo: panela > garrafa > panela e peça para que a criança pegue os cartões e coloque na ordem que foi realizado.

Para deixar mais desafiador, convide a criança a fechar os olhos e escutar atentamente a sequência dos sons e então pegar os cartões na ordem que foi realizado.


Criando sua música

Organize os cartões em uma sequência e peça para a criança tocar a "música" seguindo a ordem, por exemplo: panela > panela> garrafa> panela. Vocês também podem organizar uma banda improvisada e cada uma toca o seu instrumento na ordem, criando sons e se divertindo muito!


Super karaokê

Depois de brincar bastante e treinar a percepção auditiva  e a memória é hora de soltar a voz e desenvolver o ritmo.

Escolha uma música que a criança conheça e goste, pode estar tocando no rádio, no celular ou até somente cantada; 

Agora todos vamos cantar e utilizar os instrumentos para acompanhar a música!

Essa atividade além de trabalhar o ritmo também traz a afetividade que é muito importante no desenvolvimento infantil. Aproveite!


O que você achou dessa orientação? 

Viu como uma atividade simples de realizar pode ser cheia de aprendizado?

Aproveite os comentários para me contar como foi brincar, para quem você indicou e se criou uma nova brincadeira a partir dessa dica;


Fabiana Leme
Fabiana Leme

Você sabia que aqui na Inclutopia a orientação é tão importante quanto a informação? 

Por isso temos um contato bem próximo de professores, familiares e interessados através do WhatsApp.

Inscreva-se!