Cante e encante em suas aulas!

Fabiana Leme de Oliveira 

Você precisa estimular a linguagem de algum aluno que ainda não se expressa de acordo com o esperado para idade?

Então veja esta dica e tire o maior proveito desta atividade que além de proveitosa é muito importante: CANTAR!

Sim, as músicas são ótimas para estimular a linguagem, se você tem alunos com TEA (transtorno do espectro do autismo), com deficiência intelectual ou com algum atraso na linguagem aproveite este excelente recurso.

Explore a melodia, refrão e a frequência das músicas cantadas para estimular a memória auditiva.
Você pode fazer um cartão com o título de cada música e uma figura para auxiliar a identificação. O formato deste cartão pode variar de acordo com a faixa etária, nível de aprendizado da turma ou de acordo com seu planejamento.
Aproveite esta sugestão de confeccionar os cartões e faça um banco de títulos de músicas variadas e aos poucos vá ampliando o repertório. Com o passar do tempo você pode realizar diferentes atividades e quem sabe um desafio musical? 

Como fazer um desafio musical?

Selecione seu banco de títulos de músicas e realize um sorteio. Aproveite e envolva diversos alunos neste momento: um segura a caixa com os títulos, outro sorteia e outro mostra para a sala. O objetivo é que os alunos cantem apenas a melodia (sem a letra) desafiando os colegas que adivinhem a música sorteada. 

Que tal experimentar?