A importância da rotina na educação inclusiva

Fabiana Leme de Oliveira 

figura de um relógio cercado de vários objetos
figura de um relógio cercado de vários objetos

Você está com dificuldades com seu aluno, ou aluna com deficiência ou transtorno do espectro autista para estabelecer uma rotina?

Sim a rotina é parte fundamental da adaptação à escola, aproveite estas orientações para sistematizar a rotina do seu aluno em sala para que o processo de aprendizagem seja mais efetivo.

A rotina é importante para todos nós, mas quando temos um aluno com deficiência ou transtorno do espectro autista ela é fundamental, pois, a rotina é estruturante, diminui a ansiedade e facilita a aquisição de conceitos importantes através da generalizações.

Muitas vezes eles apresentam dificuldades cognitivas, de linguagem e de percepção do que está acontecendo a sua volta e por isso não compreendem a sequência de atividades, o que se espera que seja realizado e demonstram através de comportamentos inadequados ou crises de ansiedade a necessidade de organização externa e concreta para que possam se organizar internamente e cumprir a rotina estabelecida.

Estabeleça uma rotina realizável, evite elencar um número excessivo de atividades;

A rotina necessita de repetição. É importante sempre observar como o aluno reage à rotina estabelecida e dê continuidade, mantenha a constância;

Intercale atividades prazerosas para o aluno entre as atividades planejadas para o dia;

Utilize apoio visual para sua rotina e no caso de alunos com cegueira, baixa visão ou com comprometimentos maiores na compreensão de imagens, use objetos representativos da rotina, colados nas plaquinhas.

Faça o download deste arquivo de plaquinha, prontinho para imprimir. Assim você poderá escrever e colar fotos, figuras ou objetos representativos da rotina


Categorias